Tributo à Neguinho da Beija-Flor - 25 anos de fé e raiz

GRES Unidos do Cabral (RJ)

Luiz, nasceu com o brilho do céu
Lá em Vila Isabel
Herdeiro de um talento musical
Que aos dez anos conquistou um festival
Seu cantar iluminou o carnaval
Da Miguel Couto ao Leão de Iguaçu
E da passarela chegou a ela
A rainha do mundo azul, Beija-Flor

Beija-Flor sua escola e seu canto de amor
O destino campeão gravou no peito
Uma vida de paixão

Sua voz é Estandarte de Ouro
Pra nós, um orgulho, um tesouro
Um herói no temporal
Que fez chover tanta emoção
Lembra daquele lindo carnaval!
Que mostrou ao mundo a injustiça social
Chora de alegria cavaquinho
No tributo ao Neguinho
O anjo negro vencedor

Ôôôô eu sou Cabral, sim senhor!
Trago o samba no pé
E a essência da raiz com muita fé
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados