Tempestade De Guerra

Via Perimetral

Paz!
Justiça!
Liberdade!
Fé!

O nosso paraíso se encaminha pra um deserto
Guerra declarada pela paz no inferno
Eu quero meu armamento pra lutar
Minha segurança vulnerável não dar
Na minha oração eu tô pegando pesado
Que eu morra agora ou quero um carro blindado
A bala tá comendo e eu não vou medir palavras
Menor de 13 vestindo a sua farda
E protegendo seu barraco de madeira
Soltando fogos na subida da ladeira
Tiro nas costas toda favela chora
Mas uma cadeira vazia na escola

Cai uma tempestade no Rio de Janeiro
2x
Cai uma tempestade de guerra


Vários comandos, várias facções
Mas organizados que os nossos batalhões
Mentira. Não! É a pura verdade
Um telefonema, eles param a cidade
Tanta liberdade a traz de uma grade
E prisioneiros formando a sociedade
Bala perdida com endereço certo
Sempre matando o inocente que tá perto
Segunda-feira, meio-dia: horário do povo
A polícia resolve invadir o morro
Correria, gritaria... um verdadeiro tumulto
Sacanagem fazer pobre de escudo

Cai uma tempestade no Rio de Janeiro
2x
Cai uma tempestade de guerra


Já sei o que vou fazer, fugir pra outro lugar
Se não aqui vou morrer bem antes de me formar
Mas antes vou lá em copa tomar banho de mar
Jurar e prometer Iemanjá ensinar meu filho a sambar

O carioca enfraqueceu na hora da revanche
Vamos limpar nossa calçada manchada de sangue
O nosso nome e engolir o nosso choro
Arrebentar a corda presa no nosso pescoço
Bater de frente e ter de volta nossas vidas
E deixar o tempo sarar nossas feridas
Manter a fé na justiça lá de cima
Salvação era tudo que eu queria

Já sei o que vou fazer. fugir pra outro lugar
Mas antes vou lá em copa tomar banho de mar

Cai uma tempestade no Rio de Janeiro
2x
Cai uma tempestade de guerra


Paz!
2X
Justiça!
Liberdade!
Fé!
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados