Samba-Enredo 1995 - Frevança

Arrastão de Cascadura

Meu coração se sentiu pernambucano
Esqueceu os desenganos
Quando os clarins anunciaram a brincadeira
E eu me fiz mulato descendo a ladeira
Vi palhaço em fauceto a gargalhar
Mascarando a tristeza
O carnaval vai começar
Rancho das Flores
Andaluza, Pirilampos
Caboclinhos, solta a imaginação
Pernambuco canta e dança
Na beleza e no balanço do meu coração

Dança menina pra lá e pra cá (Bis)
Embala o frevo, que eu vou me embalar

Maracatu, motiva um sentimento novo
Orgulho de um povo
É a coroação (sacode Arrastão)
Meia-noite ou meio-dia
O gigante Malaquias
Mantém a tradição
A quarta-feira de cinzas anunciou
Que a frevança terminou
O vento sopra no Capiberibe ôô
Com esse canto, o mundo inteiro se encantou

Eu danço frevo
Frevado gostoso, estou aí (Bis)
Vou arrastando o povo na Sapucaí
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados