Samba-Enredo 2022 - O Poder da Comunicação: Império, o Mensageiro Das Emoções

G.R.C.S. Império de Casa Verde (SP)

Sou eu, sim, a voz da Casa Verde
Vou assim, balançando a rede
A cara do Brasil, um povo vencedor
Orgulhoso de onde vim, Imperiano eu sou

Sou eu, sim, a voz da Casa Verde
Vou assim, balançando a rede
A cara do Brasil, um povo vencedor
Orgulhoso de onde vim, Imperiano eu sou

Vá buscar o meu amor
Ou um amigo pra contar a boa nova
Um alerta do perigo na mensagem que encontrei
Dos meus ancestrais
Lágrimas no tempo, fogo dos rituais

E segui por este fio, pelo som que se propala
Pois ardia o pavio, este é meu lugar de fala
O couro esticado por tantas gerações
Sinais de fumaça me levam por aí
Meu Deus, que saudade do tempo que não vivi

Ergui minha perdição, tentei encostar no céu
Em busca da salvação, vi Torres de Babel
Pra se entender, sigo o olhar
Mil pergaminhos e caminhos a trilhar

Ergui minha perdição, tentei encostar no céu
Em busca da salvação, vi Torres de Babel
Pra se entender, sigo o olhar
Mil pergaminhos e caminhos a trilhar

Vento, mensageiro de ilusões
Sereno, deslizando nos papéis
São asas seduzindo corações
Palavras conduziam os fiéis

O ar que trouxe a Lua pra você, ó flor
Que faz a vida renascer no alô
Grafias, linhas geniais
Vias digitais

Abro a janela pra grande viagem
O mundo na palma da mão
Vila Primavera, influência maior
Se avexe não

Sou eu, sim, a voz da Casa Verde
Vou assim, balançando a rede
A cara do Brasil, um povo vencedor
Orgulhoso de onde vim, Imperiano eu sou

Sou eu, sim, a voz da Casa Verde
Vou assim, balançando a rede
A cara do Brasil, um povo vencedor
Orgulhoso de onde vim, Imperiano eu sou

Vá buscar o meu amor
Ou um amigo pra contar a boa nova
Um alerta do perigo na mensagem que encontrei
Dos meus ancestrais
Lágrimas no tempo, fogo dos rituais

E segui por este fio, pelo som que se propala
Pois ardia o pavio, este é meu lugar de fala
O couro esticado por tantas gerações
Sinais de fumaça me levam por aí
Meu Deus, que saudade do tempo que não vivi

Ergui minha perdição, tentei encostar no céu
Em busca da salvação, vi Torres de Babel
Pra se entender, sigo o olhar
Mil pergaminhos e caminhos a trilhar

Ergui minha perdição, tentei encostar no céu
Em busca da salvação, vi Torres de Babel
Pra se entender, sigo o olhar
Mil pergaminhos e caminhos a trilhar

Vento, mensageiro de ilusões
Sereno, deslizando nos papéis
São asas seduzindo corações
Palavras conduziam os fiéis

O ar que trouxe a Lua pra você, ó flor
Que faz a vida renascer no alô
Grafias, linhas geniais
Vias digitais

Abro a janela pra grande viagem
O mundo na palma da mão
Vila Primavera, influência maior
Se avexe não

Sou eu, sim, a voz da Casa Verde
Vou assim, balançando a rede
A cara do Brasil, um povo vencedor
Orgulhoso de onde vim, Imperiano eu sou

Sou eu, sim, a voz da Casa Verde
Vou assim, balançando a rede
A cara do Brasil, um povo vencedor
Orgulhoso de onde vim, Imperiano eu sou

A cara do Brasil, um povo vencedor
Orgulhoso de onde vim, Imperiano eu sou
Orgulhoso de onde vim, Imperiano
Orgulhoso de onde vim, Imperiano eu sou

Sou eu, sim
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados