Ouvir Música

Sem Querer

Jairo Lambari Fernandes

Sem querer

Meu rancho é sempre assim
Cansado esta de mim
Que exilei meu destino no lugar
Saudade alcança um mate
Solitário catre
Se pequei contei apenas ao luar

será que vale a pena morena
vale a pena sim
será que vale a pena morena
vale a pena sim

Foi quase sem querer que te vi adormecer
como a mesma luz que veste um anjo bom
e quando amanheceu quem mais chorou foi eu
na harmonia que eu queria esqueci o tom

será que vale a pena morena
vale a pena sim
será que vale a pena morena
vale a pena sim

viver é quase que morrer de amor
é ser e ter saudade solidão
amargo o mate que me serve a dor
moro na flor e ela no coração
e se acaso a luz da lucidez
luzir caminhos que ainda levam a ti
me deixem ver apenas uma vez
os olhos ternos que não esqueci

foi quase sem querer te vi dormecer
com a mesma luz que veste um anjo bom
e quando amanheceu quem mais chorou foi eu
na harmonia que eu queria esqueci o tom

será que vale a pena moprena
vale a pena sim
será que vale a pena morena
vale a pena sim

viver é quase que morrer de amor
é ser e ter saudade solidão
amargo o mate que serve a dor
moro na flor e ela no coração
e se acaso a luz da lucidez
luzir caminhos que ainda levam a ti
me deixe ver apenas uma vez
os olhos ternos que eu não esqueci
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados