Ouvir Música

Tempo Feio

Jairo Lambari Fernandes

Caramba amigo que o horizonte está forrado
E desse lado a armação nunca desmente
As nuvens d´água se chegaram de carancho
Abrindo o poncho sobre os ombros do poente

A barra negra vem engolindo o coxilhão
E previsão é que o céu vai desabar
Um pé de vendo já chegou deitando a grama
Fazendo a cama pro aguaceiro se deitar

Faz cruz de sal que o homem vem estalando prêmio
Tapem os espelhos e fecha porta do galpão
Por que tormenta trouxe a noite antecipada
E até a boiada foi pra baixo do capão
Do capão...

Mas ala pucha que o tempo se armou bonito
Até o ventito ta floreando um sapucay
Vire os pelegos os que andarem camperiando
Que ta pretiando lá pros rumos do Uruguay

O tempo feio que aos pouquito ta chegando
Vem culatreando a tropa mansa lá no fundo
Onde o negrume vem tisnando céu e terra
Quase não erra quem previu o fim do mundo

O campo seco esta virado num sovéu
Mas lá no céu existe um pai que sabe a hora
Pela fronteira não cai água a mais de mês
E dessa vez a seca velha vai se embora

E pelo breu ta se ajeitando o temporal
Mas menos mal que eu tenho um guri pra escorar
O meu piloto escora qualquer destempero
Por que um fronteiro não se entrega sem pelear
Sem pelear...
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados