América

Pedro Madeira

Eu vim viver sem ti pra América
Sem ter a nossa luz na América
Nem Hollywood ou América
Brilha mais do que a vida que deixei
Eu quis criar um lugar
Eu quis escrever e salvar esta terra pra ti
E quis semear na pátria, ver crescer
A bandeira que perdeu, que perdeu
Outro mundo de côr, outra vida com luz que saiu sem abandonar
A idade de ouro que de Março
Soltava não esqueci as histórias que em ti deixei

E vim viver sem ti pra América
Sem ter a nossa luz na América
Nem Hollywood ou América
Brilha mais do que a vida que deixei
Deixei Camões na gaveta
Fiz da distância poema e escrevi e escrevi
A minha história sem ti, condenação ao sistema, foi correr sem escolher
Encontrei horizontes, cataclismo do azar
Agarrei-me às cores da minha pele
Fica assim o meu Douro e a invicta
Em silêncio, larguei a vida que nunca quis deixar

E vim viver sem ti pra América
Sem ter a nossa luz na América
Nem Hollywood ou América
Brilha mais do que a vida que deixei
Fui capaz de subir novas escadas por nós
Mas a vida matou-me o ego
Continuo a viver entre as escolhas da sorte

E vim viver sem ti pra América
Sem ter a nossa luz na América
Nem Hollywood ou América
Brilha mais do que a vida
E vim viver sem ti pra América
Sem ter a nossa luz na América
Nem Hollywood ou América
Brilha mais do que a vida que deixei
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados