Ouvir Música

Saudade mandou lembrança

Serrinha e Caboclinho

Saudades mandou lembrança, suspiro trouxe um recado
Coração chorou demais ficou roxo de apertado
Suspiro que vai e vem sente-se desconsolado
Disse com muita tristeza: Nunca mais trago recado

Saudades mandou lembrança no peito dum sabiá
Numa tarde primorosa ao pé do jequitibá
Foi quando a brisa passava parecendo soluçar
Beijando o cravo e a rosa e a flor do manacá

Saudade seguiu viagem a caminho do sertão
Teve pena do soluço fazendo reclamação
Eu moro no peito triste amante da solidão
Desenganado da sorte, deliroso de paixão

O destino da saudade é viver no coração
Companheira da esperança, do amor e separação
Não tem hora nem distância peregrina em todo o chão
Saudades é provocante, saudade é judiação
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados