Meio Céu

Velhos e Usados

Ponto e só.
Não, não diga adeus.
Há muito tempo...
Câmbio... longe... há alguém
Nas garrafas
Voltando... tanto...
Expressado em poucas linhas
Vivendo a poesia que vier

Sobre nós parece que céu encolheu
De certo não nos cabe mais

(Eu que sempre temi
Trancar as portas
Percebi que devo abandonar as chaves...)

E será afinal tão belo
Se entenderes que
Sempre irá mudar e
Nem tudo chegará ao fim...

E ao encontrar a verdade
Talvez me veja em erros
E ao relembrar, a saudade
Nunca terá pena...
Nunca terá pena...

Mas será afinal tão belo
Pois já sei que nem tudo irá mudar
Mas sempre chegará o fim do dia...
E sei amanhã quando acordar
Será um dia bem melhor...
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados