Trapos, Remendos e Azul

Velhos e Usados

Eu que tanto era preso a tudo que pareceria belo
Aos olhos de quem me quer bem
Vivia assim, perdido em coisas fúteis
Tão normal

Ainda sei, posso chegar em casa e observar
Flores, regar as cores
Eu, sozinho em mim

Sei que cada detalhe que sentir
Em que sentido, é só buscar assim
Ao que não vi
É meu, põe só um teto azul
Não basta com o céu
Eu vou sair daqui
Pela janela e o mundo costurado em mim
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados