Ouvir Música

No Colo Dela

Léo Canhoto e Robertinho

Fui um dia enquadrado no artigo do coração
Sem direito, fui julgado na justiça da paixão
Eu peguei prisão perpétua por amar e querer bem
Vivo hoje condenado nos braços de alguém

Ao receber a sentença até chorei de alegria
Fui condenado a viver nos braços de quem eu queria
Meu sofrimento acabou-se, a minha dor chegou ao fim
Hoje no colo de quem amo eu vivo cantando assim

Te esquecer já não tem jeito, doce encanto, vida minha
Penetraste no meu peito, dengosa e meiga rainha
Achei no seu corpo ardente riquezas de uma jazida
Me enrolei feito serpente nos galhos de sua vida

Me sinto dono bastante da beleza e do esplendor
Do seu corpo alucinante que rege tanto sabor
Amor à primeira vista, o seu corpo sedutor
Não existe exorcista
Que faça com que eu desista dos seus beijos, meu amor
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados