Ouvir Música

Adeus do Sertanejo

Silveira e Silveirinha

Adeus minha terra querida
Adeus minha Minas Gerais
Adeus meus irmãos, meus amigos
Adeus meus queridos pais

Adeus meu Brasil querido
Deu despeço dos filhos meus
Estou despedindo chorando
Nesse meu último adeus
(Estou despedindo chorando
Neste meu último adeus)

Adeus minha velha morada
Que onze anos morei
Adeus viola de pinho
Que contigo quantas vezes chorei

Eu deixo um bombacho e uma cinta
Que sempre comigo levei
Adeus minha bota gaúcha
Adeus pra mulher que eu amei
(Adeus minha bota gaúcha
Adeus pra mulher que amei)

Eu deixo dentro do meu quarto
Um berrante e um lenço bordado
Os meus troféus que ganhei
Nas minhas vitórias sagradas

Eu deixo um arreio em miniatura
Que lembra meu macho bragado
Adeus pra mulher que eu amo
Que sempre viveu a meu lado
(Adeus pra mulher que eu amo
Que sempre viveu a meu lado)

Eu deixo os meus discos gravados
Pra quem dedicou-me amizade
Adeus meu querido São Paulo
Ofereceu-me amor e bondade

Adeus goianos e mineiros
Que me deu tanta felicidade
Morrendo eu serei feliz
Se no mundo eu deixar a saudade
(Morrendo eu serei feliz
Se no mundo eu deixar a saudade
Morrendo eu serei feliz
Se no mundo eu deixar a saudade
Morrendo eu serei feliz
Se no mundo eu deixar a saudade)
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados