Ouvir Música

Onde eu Moro

Liu e Léu

Eu moro num lugar verde azulado
Junto ao céu, arroxeado
Onde o sol vai se esconder
A casa é bem modesta, sem pintura
Mas é uma gostosura de lugar pra se viver

Aurora vem raiando, perfumosa
Até as flores ficam prosa
Principiando a se mexer
De noite, o clarão da lua cheia
Deixa cor mel de abelha
Os pingos de orvalho a tremer
De noite, o clarão da lua cheia
Deixa cor mel de abelha
Os pingos de orvalho a tremer

As plantas são como a natureza
Crescida, que é uma beleza, sem precisar socorrer
A voz sai da garganta, de repente
Pois o coração da gente vive alegre como que

Canta passarada, a gente escuta
A cachoeira lá na gruta, o galinho garnisé
O vento é como as flor das graviola
Tira cor, diz que consola, resvalando no sapé
O vento é como as flor das graviola
Tira cor, diz que consola, resvalando no sapé
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados