Ouvir Música

O Sertão E a Capital

Liu e Léu

Esta noite eu tive um sonho, parece contos de fada
Vi o sertão e a capital em uma palestra animada
A capital se orgulhava por ela ser afamada
Desfazia do sertão, zombava dando risada
O sertão muito educado ouvia sem dizer nada

Assim disse a capital, meu nome tem grande fama
Nos bairros em meu redor o progresso esparrama
O meu solo é muito rico, tem riqueza que derrama
Todas ruas são bonitas, têm um lindo panorama
Todas cobertas de asfalto, não tem poeira nem lama

No meu solo eu recebo pessoas de todo lado
Alguns chega ruim de vida mas logo fica arrumado
Indústrias e construções da serviço acelerado
Nos cabarés se diverte os homens endinheirado
Pra sustentar o meu povo fartura tem no mercado

O sertão respondeu com palavras acertada
Eu aqui planto de tudo, pra vocês não falta nada
Se o governo ajudar lavoura desamparada
Todos seus almofadinhas que leva a vida agitada
Jogava a gravata fora pegava o cabo da enxada

Se meu povo não plantar, não lutar com muita fé
Eu paro seus movimentos, fecho todos cabaré
Também paro as construções, fumaça dos chaminé
A verdade vem agora acredite se quiser
Eu sou a grande raiz, sustento o Brasil de pé
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados