Senhoras do Ventre do Mundo

Tinga

Vou te coroar
Na academia desfilar, mãezinha
Vovó me dá cafuné
Derrama todo o axé
E faz de cada mulher rainha

Mãe que deu luz a criação
Ventre da humanidade
És a negra majestade
Semeada nesse chão
Que o açoite não calou
Traz na pele o tom da noite
Que orgulho dessa cor!
Senhora da paz, heroína
A tua vitória, presença divina
Conduz a historia e tudo o que será
Miragem no olhar, imagem no altar

É de angola é ginga que chegou
Roda na gira, firma no tambor
Quilombola vem mantendo acesa a chama
Iluminar gente de gana

No tabuleiro tem um sonho de libertação
Banho de cheiro traz a cura, purificação
A fé na barra da saia
Mandingueira em seus rituais
Na guia que carrega no pescoço
O passado glorioso
Um presente de ancestrais
Lá vem salgueiro
Na voz do morro, a tolerância
Se a igualdade ainda é uma criança
Da sua luta ela nasceu
Pra escrever um novo mundo de esperança
Herança para os filhos teus
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados