Ouvir Música

Magia do Pantanal

Pedro Ortaça

Nasci por entre os banhados
Desta terra pantaneira
Carrego a alma de caboclo
Nesta estampa boiadeira
Levei boiadas de gado sem
Ter ninguém que me mande
Espalehie minha semente
Do Mato Grosso ao Rio Grande
Cresci na beira do Rio
Ouvindo toadas mundanas
Sonhando com as Paraguaias
No balanço das Chalanas
Muito tirei destas águas,
Pintado, Piava, Pacu.
Ao som do canto das aves
E aos vôos dos tuiuius.


Quando canto ajoelho a alma,
Neste cenário imortal,
Sou fragmento da terra barrenta
Do Pantanal. Dentro da viola caipira
Penduro um varal de penas,
Lembranças de comitivas,
Festas e lindas morenas.
Então a alegria aflora
Junto de tanta beleza,
Nesta terra o nosso Deus
Se fez vida e natureza.
O Mato Grosso é magia,
Poesia símples rural
essência de campo e Rio
no cosmos do Pantanal.

Matogrosenses e Gaúchos,
Este canto vos pertence
Pois tenho a alma pantaneira
E o sange de Riograndense
Tenho muito do Rio Grande
Neste jeitão pantaneiro
O meu pai que Deus o tenha
Era Gaúcho brasileiro.
Quando canto o Pantanal
Exalto o que me pertence
Neste estilo Missioneiro,
Gaúcho e Matogrosense.
Quando canto ajoelho a alma,
Neste cenário imortal,
Sou fragmento da terra barrenta
Do Pantanal.
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

Playlists Relacionadas

Ver mais playlists →

O melhor de 3 artistas combinados