Só No Dom

Miro Saldanha

Olha aí a vaneira, mandando avisar
Que vem descendo a ladeira, fazendo o chão balançar.
Olha a gaita manheira, que só falta falar!
Pode ir fechando a porteira, que o baile vai começar!

Olha a moça faceira, que acabou de chegar;
Vem balançando as cadeiras, jogando charme no ar!
Cuidado, moça solteira do feitiço no olhar,
Que eu não tenho eira nem beira, mas não me custa casar!

(E o gaiteiro, meio "choco", toca só no dom;
Num griteiro meio rouco, procurando o tom;
Puxa o fole mais um pouco, pra aumentar o som,
Que é pra o povo dançar!
E o namoro aperta o laço, que o compasso é bom!
Um passo sem contrapasso e outro passo com!
Deita na curva do braço e chega no batom
Até o dia clarear!)

Já é segunda-feira, nem quero lembrar
Que vai a semana inteira, até que eu possa voltar.
Mas, já que eu tô na vaneira, eu quero mais é bailar;
Quando baixar a poeira, se vê aonde vai dar!

Olha a estrela boieira, que veio anunciar
Que o dia andava na zoeira e, agora, quer se deitar!
Mas eu tô na brincadeira, ele vai ter que esperar!
Dei dez pra entrar na fogueira, dou cento e dez pra ficar!

(E o gaiteiro, meio "choco", toca só no dom;
Num griteiro meio rouco, procurando o tom;
Puxa o fole mais um pouco, pra aumentar o som,
Que é pra o povo dançar!
E o namoro aperta o laço, que o compasso é bom!
Um passo sem contrapasso e outro passo com!
Deita na curva do braço e chega no batom
Até o dia clarear!)
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados