Tentação

Miro Saldanha

TENTAÇÃO
(Letra e Música: Miro Saldanha)

Esse teu jeito de me olhar nos olhos,
jogando charme pra me encabular,
e ficar rodando no meio da pista,
isso dá na vista! Vai dar o que falar!
Esse teu jeito de mexer o corpo,
dançando solta pra me provocar,
molhando os lábios com a ponta da língua,
vai matando à míngua quem te cobiçar!

Está na cara que a coisa é comigo!
É evidente, não dá pra negar!
Pelos sorrisos de canto de boca,
se eu dormi de touca, vão me perguntar!
Já corri mundo, fui da pá virada!
Dei cabeçada até me encontrar,
e, logo agora que eu firmei o passo,
vem esse pedaço pra me atormentar?!

REFRÃO
Por isso eu digo sai pra lá, tentação,
que eu sou casado e quero continuar!
Senão, um dia, ainda perco a razão!
Não quero confusão,
por isso, é bom parar!
Tua atitude está chamando atenção
e já passou do sensual pra o vulgar!
É bom que ponha os pés de volta no chão,
que essa provocação já sei no que vai dar!

Dá meia volta e passa em minha frente!
Irreverente, quer me encarar.
Levanta o rosto, com ar de princesa,
e olha com firmeza, pra me desafiar!
Disfarço, como se não visse nada;
indignada, chega a suspirar!
Girando o corpo, faz subir a saia,
e eu fujo da raia e desvio o olhar!

Está na cara que a coisa é comigo!
É evidente, não dá pra negar!
Pelos sorrisos de canto de boca,
se eu dormi de touca, vão me perguntar!
Já corri mundo, fui da pá virada!
Dei cabeçada até me encontrar,
e, logo agora que eu firmei o passo,
vem esse pedaço pra me atormentar?!

REFRÃO (bis)
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados